A FEDERAÇÃOCLUBES E ATLETAS
  ÚLTI MAS NOTÍCIAS
 
English
 
COMPETIÇÕESRESULTADOSALTO RENDIMENTOCOMUNICAÇÃOMULTIMÉDIA
Click on the slide!

Triatlo de Vila Real de Santo António

Ainda pode inscrever-se no dia e local da prova. Consulte o regulamento.

Mais...
Click on the slide!

Taça de Portugal de Triatlo

O 1º Triatlo de Altura, uma prova que pontua para a Taça de Portugal, é composto por provas de estrada. Um percurso a não perder, pela sua beleza e paisagens deslumbrantes.

Consulte o Regulamento da prova! 

Mais...
Click on the slide!

Campeonato Nacional de Clubes

Inclui também, além de uma prova aberta, o Campeonato Nacional de Cadetes e de Júniores. Consulte o Regulamento.

Mais...
Click on the slide!

Ricardo Gouveia e Mariana Pombo vencem Lezírias

O Garmin venceu coletivamente o setor masculino e o AMICICLO GRÂNDOLA em femininos. 

Mais...
Click on the slide!

Pedro Ribeiro e Catarina Dias vencem no Jamor

O Clube Triatlo Fundão venceu a primeira etapa da Taça de Portugal PORTerra, no setor masculino, depois de um interessante despique com o Garmin Olímpico de Oeiras. A SFRAA Triatlo, da Amadora, foi 3ª coletiva na sua estreia na modalidade.

Mais...
Click on the slide!

Acompanhe-nos no FACEBOOK!

Publicamos centenas de fotos todas as semanas após cada prova do Calendário Nacional.
A nossa repórter fotográfica, Clarisse Henriques, não perde pitada do 1º ao último lugar!

Mais...
Click on the slide!

VENHA EXPERIMENTAR FAZER TRIATLO

Uma oportunidade única para miúdos e graúdos experimentarem o triatlo e poderem praticar com regularidade, a preço simbólico, sob a supervisão de técnicos da FTP, no Jamor

Mais...
 
banner_triescola.png
banner_trijamor.png
 
 
FORMAÇÃO
 
 
AGE GROUPS
 
agegroups.png
 
ARBITRAGEM
 
 
NEWSLETTER DA FTP


|
PESQUISAR NO SITE
|
Visitas: 25151507
 
  Entrada
 
Sérgio Silva e Cristiana Valente vencem em Arronches PDF Imprimir e-mail

Sérgio Silva, do Garmin Olímpico de Oeiras e Cristiana Valente do Motrinde - Clube dos Galitos, venceram este sábado o VII Duatlo de Arronches, constituído por uma prova aberta e pela prova principal, a contar para o Campeonato Nacional de Clubes de Duatlo, Campeonato Nacional de Juniores e Campeonato Nacional de Cadetes.

fotografia_3.jpg

 

 

fotografia_3.jpg

No Campeonato Nacional de Cadetes, sagraram-se campeões nacionais Madalena Almeida da Teleperformance - " Os Belenenses" e Leonardo Aniceto do Sport Lisboa e Benfica, respetivamente no género feminino e masculino.

No escalão de Juniores Femininos, a atleta Maria Eduarda Vidigueira do "Águias" de Alpiarça, conquistou o título nacional, mas a prova foi vencida pela atleta individual Raquel Mateos Gil que tem nacionalidade espanhola, não podendo ser considerada para a disputa do título nacional. 

No género masculino, venceu Tomás Azevedo do "Águias" de Alpiarça, sagrando-se campeão nacional, numa prova bastante disputada, em que os três primeiros atletas deste escalão, cortaram a meta com uma diferença de 21 segundos.

Na prova pontuável para o Campeonato Nacional de Clubes, no género feminino, as três equipas que compuseram o pódio, foram o Garmin Olímpico de Oeiras, com as atletas Estefania Calvo (2º lugar geral), Maria do Céu Nunes (5º lugar geral) e Sheila Azevedo Marques (13º lugar geral). Em segundo lugar ficou o Alhandra Sporting Clube, com a equipa constituída pelas atletas Ana Filipa ferreira (6º lugar geral), Ana Filipa Sampaio (15º lugar geral) e Sofia Hipólito (19º lugar). Em terceiro lugar, ficou a equipa do Sporting Clube de Portugal, com as atletas Ana Lopes (23º lugar geral), Mónica Vera Cruz (27º lugar geral) e Tamára Branco (29º lugar geral, a darem o seu contributo para a classificação alcançada.

No género masculino, o C.D. "Os Águias" de Alpiarça, alcançou o primeiro lugar, seguido do Garmin Olímpico de Oeiras (2º lugar) e do Alhandra Sporting Clube (3º lugar), com a diferença entre as duas primeiras equipas de apenas 10 segundos.

Filipe Azevedo (2º lugar geral), Tomás Azevedo (4º lugar geral) e Pedro Ribeiro (8º lugar geral), foram atletas desta equipa vencedora, enquanto pelo Garmin, os melhores três tempos foram para Sérgio Manuel Silva (1º lugar geral), Nuno Miguel André (6º lugar geral) e Ricardo Gouveia (9º lugar geral). Na equipa do Alhandra, as prestações do Luis Gabriel Monteiro (11º lugar geral), Nuno Ribeiro (15º lugar geral) e do Miguel Fortunato (23º lugar geral), deram o seu contributo para arrecadarem o terceiro lugar, nesta classificação de equipas masculinas.

Na classificação da Prova Aberta, Ricardo Batista (1º lugar), Julian Espinoza (2º lugar) e José Pedro Vieira (3º lugar), todos do Clube de Natação de Torres Novas, alcançaram o primeiro lugar do pódio.  Todos os resultados disponíveis aqui!

Na prova principal, os primeiros a chegar ao parque de transição, para iniciarem o segmento de ciclismo foram os atletas Sérgio Silva, Campeão da Europa de Duatlo Sprint, juntamente com Filipe Azevedo, Pedro Gaspar, Tomás Azevedo e João Ferreira Pereira. Neste segmento, este grupo foi alcançado pelos atletas Tiago Leão, Nuno Miguel André e Hugo Alves. O atleta ainda junior João Ferreira Pereira, acabou por descolar neste segmento, chegando assim à transição para a corrida final, com um grupo compacto de 7 atletas.

Na corrida final, Sérgio Silva do Garmin Olimpico de Oeiras, acabou por vencer a prova com o tempo de 00:57:00, seguido de Filipe Azevedo do C.D "Os Águias" de Alpiarça em 00:57:22. O terceiro lugar do pódio, coube a Pedro Afonso Gaspar da Portugal Talentus  em 00:57:31.

O primeiro classificado, Sérgio Silva, confidenciou-nos que estava "muito feliz por um lado e triste por outro" , antes de mais, por voltar a Arronches. Todas as vezes que participou nas provas de Arronches, foi vencedor, algo que o satisfaz muitissimo. Diz-nos ainda que, "foi bom ter voltado cá, ter vencido. Consegui surpreender-me no segmento de ciclismo, não estava à espera de ter tantas facilidades, algo que deixa-me um pouco triste. Estava à espera de sofrer muito mais, por parte dos meus adversários. Nas lezirias sofri imenso no segmento de BTT, não era a minha praia." Relativamente ao percurso, o atleta do Garmin, considera que, "Nós é que estipulamos as dificuldades aos percursos. Os adversários é que colocam os percursos fáceis ou dificeis". Sérgio diz-nos que, "se tivessem apertado mais comigo, o percurso teria sido concerteza mais dificil. Mas foi bom, trabalhámos em conjunto, com receio dos atletas que vinham atrás, havia ciclistas muito fortes, mas conseguimos chegar isolados à última corrida".

Já Filipe Azevedo, considerou, que a prova "correu muito bem. Por ter estado 2 semanas em estágio em Vila Real de Santo António, não estava à espera deste resultado" , confidencia-nos. "Tentei estar sempre no top 5. Na corrida estive bem e no ciclismo juntámo-nos todos, conseguimos trabalhar bem em alguns momentos. Na corrida final, quis dar o meu máximo, para conseguir fazer uma boa classificação. Alcançar o Sérgio Silva seria muito complicado, é um atleta muito bom, não tinha hipótese!"  Filipe Azevedo, gostou bastante do percurso, com a certeza de que, para o ano irá estar novamente presente. A próxima prova a concorrer será em Altura, o 1º triatlo desta localidade, ou na prova seguinte em Vila Real de Santo António.

O terceiro lugar do pódio, Pedro Gaspar, teve uma opinião diferente dos colegas. Considerou a prova "dificil e complicada. O frio era muito e a semana que tive foi bastante atribulada, visto ter estado doente. Não recuperei bem. O ritmo do percurso foi bastante forte, com muitos sobe e desce, o que deixou alguma mossa, no último segmento de corrida". Pedro Gaspar, irá partipar no 1º Triatlo de Altura, considerando a natação o seu ponto forte. 

fotografia_4.jpg

 

fotografia_5.jpgNa Classificação Final Feminina, Cristiana Valente do Motrinde- Clube dos Galitos, venceu em 00:06:47. As atletas espanholas, Estefania Calvo do Garmin Olimpico de Oeiras e Raquel Mateos Gil, que participou individualmente, venceram o segundo e terceiro lugar do pódio. Estefania Calvo em 01:07:08 e dois minutos depois, Raquel Gil em 01:09:11. 

pdio_absolutos.jpg

Cristiana Valente diz-nos que "não vinha com muitas expetativas, visto a época passada não ter corrido bem." Cristiana teve uma mononucleose infecciosa, o último Duatlo que conseguiu terminar foi há um ano. "Tive muito tempo parada", confidencia. Apesar de ser um percurso duro, Cristiana Valente gostou bastante. "Dou-me bem com percursos duros. Estava vento o que não é muito normal, aqui em Arronches, mas tive uma adversária à altura", referindo-se a Estefania Calvo. A "disputa foi grande e até ao fim. Poucos segundos separaram-nos, mas foi bom! A próxima prova, que espera correr tão bem como esta, será uma prova de acesso à Seleção Nacional, um dos seus objetivos. 

A atleta espanhola Estefania Calvo, já tinha participado nesta prova o ano passado. Uma prova "dura", mas que gosta muito de fazer. Considerou o primeiro segmento de corrida fácil. No entanto, quis esperar pela sua colega Raquel Gil para irem juntas, porque não tinha muito treino no ciclismo. Tentou sempre aproximar-se de Cristiana valente o máximo que pôde.

Já Raquel Mateos Gil, considerou, o segmento de ciclismo dificil por causa do vento. No entanto, no último segmento de corrida quis dar o seu máximo. 

Este VII Duatlo de Arronches, foi marcado com muito frio e vento, a chuva ameaçava cair, mas tudo acabou por corresponder às expetativas esperadas. 

Actualizado em ( 20-Fev-2015 )
 
 
  Patrocinadores: Fornecedores oficiais: Parceiros institucionais: Membro de:
 
 
bh.jpg
 
 onda.jpg    toyota.jpg
  vitalis.jpg  lexus.jpg
idp.jpg cop.jpg
cdp.jpg pned.jpg
itu.jpgetu.jpg