Seleções Nacionais

Resultados Controlo do treino – 25 de Fevereiro de 2017: Resultados Controlo do treino Fev 2017

Os principais objetivos da temporada 2017 passam por:

  • Colocar no Ranking ITU um lote de atletas, identificados nos anos anteriores, com potencial e perfil adequado para os Jogos Olímpicos 2020;
  • Proporcionar experiência internacional a atletas jovens e promissores com o perfil adequado para os Jogos Olímpicos 2024;
  • Obter resultados de relevo nos Campeonatos da Europa e do Mundo dos diferentes escalões (Youth, Júnior, Sub23 e Elite).

Desta forma, os grupos de trabalho a constituir serão os seguintes:

  • Projeto Olímpico FTP – Nível 1;
  • Projeto Olímpico FTP – Nível 2;
  • Projeto Olímpico FTP – Nível 3;
  • Seleções Nacionais de Triatlo – Sénior, Sub23, Júnior, Juvenil;
  • Seleção Nacional de Triatlo Longo;
  • Seleção Nacional de Duatlo;
  • Seleção Nacional de Paratriatlo.

Os atletas integrados nos Níveis 1, 2 e 3, à mercê dos resultados desportivos alcançados em 2016, beneficiarão de um conjunto de apoios à preparação e participação que são função do nível:

Critérios diretos de seleção obtidos em provas de 2016 e 2017
Masculinos e Femininos
Elite 1 1º a 8º em Jogos Olímpicos

1º a 8º em finalíssima do Campeonato do Mundo 1º a 7º em etapas do Campeonato do Mundo

1º a 6º em Campeonato da Europa 1º a 3º em Taças do Mundo

 

–  Participação em todas provas de WTS

–  Campeonatos da Europa de Triatlo (obrigatória)

–  Atletas masculinos e femininos têm de terminar dentro do Cut-off (5% e 8% respetivamente).

Elite 2 9º a 18º em Jogos Olímpicos

9º a 18º em finalíssima do Campeonato do Mundo 8º a 16º em etapas do Campeonato do Mundo

7º a 12º em Campeonato Europa Elite 4º a 10º em Taças do Mundo

1º a 3º em Campeonatos do Mundo de Sub23 de Triatlo 1º a 3º em Campeonatos do Europa de Sub23 de Triatlo 1º a 3º em Taças da Europa de Elite de Triatlo

 

–  Participação no máximo de 8 (4+4) provas de WTS ou Taças do Mundo

–  Campeonatos da Europa de Triatlo (obrigatória)

–  Atletas masculinos e femininos têm de terminar dentro do Cut-off (5% e 8% respetivamente).

Elite 3 19º a 50º em Jogos Olímpicos de Triatlo

19º a 50º em finalíssima do Campeonato do Mundo de Triatlo 17º a 36º em etapas do Campeonato do Mundo de Triatlo 13º a 22º em Campeonato Europa Elite de Triatlo

11º a 20º em Taças do Mundo de Triatlo

4º a 24º em Campeonato do Mundo de Sub23 de Triatlo 4º a 16º em Campeonato da Europa de Sub23 de Triatlo 1º a 10º em Campeonato do Mundo de Juniores deTriatlo 1º a 5º em Campeonato da Europa de Juniores de Triatlo 4º a 8º em Taças da Europa de Elite de Triatlo

 

–  Participação no máximo de 4 (2+2) provas de WTS (por substituição, em caso de não presença de um atleta de nível acima, ou quando tenham entrada direta) ou Taças do Mundo ou Taças da Europa

–  Atletas masculinos e femininos têm de terminar dentro do Cut-off (5% e 8% respetivamente).